Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Clarabóia

Clarabóia

15.09.21

O avesso da pele | Jeferson Tenório


Raquel Patrício

IMG_4345.jpg

"O avesso da pele", de Jeferson Tenório, foi lançado em 2020 e veio abrir horizontes sobre aquilo que (infelizmente) ainda é o racismo. A história é narrada por Pedro, um jovem negro, que nos conta a história do seu pai, Henrique, morto a tiro, em Porto Alegre, simplesmente pelo seu tom de pele.

Vamos conhecendo a vida de Henrique, a sua infância marcada por vários episódios discriminatórios e surreais e como o mesmo foi crescendo, sabendo que a cor da sua pele era uma condição que limitava o seu futuro. A partir de um certo ponto da história, Pedro introduz-nos Martha, a sua mãe, também ela negra. Apesar disso, Martha tinha uma visão bastante diferente da de Henrique sobre o que significa ter um tom de pele mais escuro que as restantes pessoas.

Acho que inventei uma memória sobre você sem a distância e a maturidade necessárias. Sei disso, mas a minha ingenuidade é tudo o que tenho. A história é ainda uma ferida aberta. É uma história para me curar da falta daquilo que você, repentinamente, deixou de ser.

Achei este livro extremamente tocante e bonito. Faz-nos realmente sair da nossa bolha e encarar uma realidade bastante mais dura e distante daquilo que estamos habituados. Certas descrições deixaram-me verdadeiramente chocada... perceber o nível de discriminação que eventualmente certas pessoas sofreram/sofrem, é bastante triste e duro. Infelizmente, ainda é uma realidade bastante atual para muitas pessoas. Relativamente à escrita, achei que ler em brasileiro me fosse custar um pouco mais mas não. Foi muito fácil de me adaptar!

Quem é que já deu uma oportunidade ao "O avesso da pele"? 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.