Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Clarabóia

Clarabóia

20.01.22

2022: o que me reserva a nível de leituras


Raquel Patrício

Sei que Janeiro já vai a mais de meio, mas ainda é tarde para delinear os objetivos de leituras para 2022? 2021 foi um ano tão rico a nível de boas leituras que vai ser muito difícil qualquer outro ano conseguir acompanhar... foi o ano em que li alguns dos meus livros preferidos de toda a vida, como o inesquecível A Sombra do Vento

Para mim, definir um objetivo de leitura é muito mais do que ler X livros por ano. Acaba por ser uma forma de me orientar e de conduzir as minhas leituras e de estabelecer algumas metas que gostava de cumprir. Então, aqui ficam algumas das minhas resoluções literárias para 2022:

1) Ler mais livros em inglês;

2) Ler mais autores portugueses;

3) Ler mais livros escritos por mulheres;

4) Não comprar livros para diminuir os que tenho na estante, por ler, há mil anos;

5) Fechar algumas sagas que tenho a meio como, O Cemitério dos Livros Esquecidos, do Záfon, e 1Q84, do Murakami;

6) Ler, pelo menos, um calhamaço (mais de 600 páginas);

7) Reler um livro que me tenha marcado muito.

E vocês, que resoluções literárias traçaram para 2022?

2 comentários

  • Acredito que sim! Espero que 2022 seja um ano recheado de leituras tão prazerosas como 2021 😊
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.